POR QUE NÃO EXISTE UM GRANDE DESERTO NO CENTRO-SUL DO BRASIL?

Acompanhe no mapa a região entre as duas faixas vermelhas. São áreas dominadas por desertos. Mas existe uma exceção. É justamente a região centro-oeste, sudeste e sul do Brasil!

QUAL A EXPLICAÇÃO?

A Floresta Amazônica elimina diariamente 20 bilhões de toneladas de água na atmosfera. Ventos carregam parte dessa enorme umidade para o interior da América do Sul. A cordilheira dos Andes (que é um “grande paredão”) canaliza esse fluxo de água aérea para o centro-oeste, sudeste e sul do Brasil. São os rios voadores. São justamente esses rios voadores que geram as chuvas para essa região do território brasileiro, responsável pela maior produção agrícola do país (e que gera cerca de 80% do PIB do Brasil).

A água que alimenta a Amazônia provém da evaporação do Oceano Atlântico. É a floresta que puxa essa água para dentro do continente. A transpiração da floresta se condensa e forma nuvens, fazendo com que haja uma queda na pressão atmosférica. É justamente essa menor pressão que “suga” a umidade do oceano. Portanto, a Floresta Amazônica funciona como uma bomba d’água puxando a água do oceano e a transportando para regiões meridionais da América do Sul.

Se a bomba de sua casa quebrar você ficará sem água, mas você poderá consertá-la. Se a grande bomba-d’água amazônica acabar as consequências serão bem mais sérias!

Estudos indicam que se o desmatamento atingir entre 20 e 25% da cobertura florestal da Amazônia ela entrará em colapso e os rios voadores deixarão de existir. Temos que olhar com mais carinho para essa incrível floresta!

REFERÊNCIAS:

https://www.hydrol-earth-syst-sci.net/11/1013/2007/

https://journals.ametsoc.org/d…/full/10.1175/JHM-D-12-0190.1

https://www.nature.com/articles/nature11390?page=7

https://advances.sciencemag.org/content/4/2/eaat2340

GUIA PARA PROFESSORES OU QUEM QUISER SABER MAIS: http://riosvoadores.com.br/…/Caderno-Professor-Rios-Voadore…

TAMBÉM PARA SE INFORMAR MAIS ASSISTA O VÍDEO: https://www.youtube.com/watch?v=HYcY5erxTYs

IGUAIS, MAS DIFERENTES

O diamante e o grafite possuem exatamente a mesma composição química. Ambos são formados de carbono. Entretanto, as suas propriedades são muito distintas. O diamante é o mineral mais duro que conhecemos, tem aparência transparente e é isolante elétrico. Já o grafite é mole, escuro e bom condutor de eletricidade.

Tais diferenças devem-se as suas estruturas moleculares. No diamante, os átomos de carbono se ligam fortemente entre si formando uma grande e rígida estrutura espacial. Nesse tipo de ligação, chamada covalente, os carbonos compartilham os seus elétrons, ficando fortemente unidos. Já no grafite os carbonos se ligam covalentemente formando uma estrutura plana, que formam várias camadas como folhas sobrepostas. Essas camadas são ligadas entre si por interações eletrostáticas muito fracas (chamadas de Van der Waals). Isso faz com que o grafite seja facilmente desfeito. Quando desenhamos com um lápis algumas dessa camadas ficam simplesmente aderidas ao papel.

LENDO E DECIFRANDO O NOSSO CÉREBRO

A tomografia por emissão de pósitrons (PET) é um método que revolucionou a neurociência. O PET possibilita construirmos um mapa do funcionamento de nosso cérebro, pois reconhece as áreas ativas em diferentes situações. Isso é feito por meio da administração à um indivíduo de glicose ligada a um elemento radioativo (a glicose é usada pelas células para gerar energia). O aparelho capta a radiação e a transforma em imagem.

Acima a imagem de PET do cérebro de uma pessoa ouvindo um texto. Os locais onde tem mais células ativas precisam de mais energia, tem maior fluxo sanguíneo e usam mais glicose. O tomógrafo indica a atividade pelas cores. Regiões vermelhas, laranjas e amarelas (mais quentes) mostram atividade celular mais alta. Regiões azuis e roxas indicam baixa atividade. Pretas ausência de atividade. Abaixo está a imagem do cérebro da mesma pessoa que está falando sobre o texto que aprendeu.

Graças ao PET estamos desvendando em detalhes o funcionamento do nosso cérebro e o que era obscuro cada dia fica mais claro.